Cuidado com o golpe do FGTS pelo Whatsapp

(Reprodução/dfndr lab)
(Reprodução/dfndr lab)

No dia seguinte ao anúncio da liberação de saques do FGTS, vagabundos digitais não perderam tempo e já haviam lançado mensagens-isca através do Whatsapp para roubar dados e senhas bancárias daqueles interessados no assunto. De acordo com a Dfndr Lab, da PSafe, o golpe já chegou ao Whatsapp de mais de 100 mil brasileiros.

Portanto, se você quer saber seu saldo do FGTS, não clique em links repassados por este aplicativo. Basta verificar através de sua conta corrente pelo Internet Banking da Caixa. Mas se você não for correntista, baixe o App oficial do FGTS na Play Store ou Apple Store.