Por que investi em BIDI4 – Banco Inter?

(Reprodução do Site)
(Reprodução do Site)

Continuando a série, agora vou explicar o porquê de eu ter investido também no Banco Inter, uma empresa que não para de crescer na Bovespa.

Este banco está na vanguarda de um modelo de negócios que acredito que será regra no futuro: o das contas bancárias sem cobrança excessiva de tarifas para movimentações. No caso do Banco Inter, a cobrança de tarifas é zero!

Mas será que isso é sustentável? O mercado acredita que sim: em pouco mais de 2 meses de sua estreia na bolsa, a ação já havia dobrado de valor. Analistas acreditam que o custo reduzido de operação aliado a fontes alternativas de receita dão boa sustentação ao modelo.

Foi então que, em setembro de 2018, decidi me associar. E deu certo: de lá pra cá, a ação valorizou-se cerca de 176%!

Conta bancária sem cobrança de tarifas é um sistema irreversível. É bom os bancões se adaptarem o quanto antes.

Por que investi em BPAN4 – Banco Pan?

(Reprodução / Interne
(Reprodução / Interne

Após divulgar o balanço semestral da minha carteira de renda variável, alguns amigos perguntaram-me como eu sabia que a ação do Banco Pan iria saltar de R$ 2,11 em janeiro para os atuais R$ 10,08.

Aí é que está: eu não sabia! Apenas percebi indícios de que essa seria uma boa ação para se investir.

Assim que a Caixa anunciou que queria se desfazer de sua participação no Banco Pan e o mercado gostou, vi que ali tinha potencial de valorização ainda maior até a negociação se concretizar. Pois o mercado adora investir em empresas que serão privatizadas, mesmo que em parte e mesmo sem saber se aquele negócio é lucrativo ou não no médio e longo prazo.

Só que o impulso foi melhor do que o esperado. Cerca de 1 mês depois da minha aquisição, já havia uma valorização de quase 50% em seu preço.

Até que, ao final de maio, a Empiricus também se deu conta do potencial do Banco Pan e passou a recomendar sua compra. Aí a BPAN4 explodiu!