Frameworks e IDEs: a Programação do Séc XXI

Ainda há aqueles programadores jurássicos que andam a falar mal de que usa ferramentas para agilizar a programação de sistemas. Entende-se por jurássicos até mesmo jovens de vinte e poucos anos que se deixaram influenciar totalmente por professores de Fortran.

É impressionante que, em pleno século XXI, em 2018, ainda tem gente que usa apenas o Notepad ++ para programar. Não querem saber de Angula.js, Boostrap, Eclipse, Sublime, Adobe Animate… dizem que programar arrastando não é programar. Que programar de verdade é programar no bloco de notas.

Continuem assim e serão facilmente ultrapassados.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *